Amsterdam Light Festival: um espetáculo de luzes nos canais de Amsterdã

  • Amsterdam-Light-Festival-2016-2017-ARCO-capa

O Amsterdam Light Festival é um evento que acontece todos os anos durante o inverno. Esta já é a quinta edição do Festival, que é um verdadeiro espetáculo de luz, raio, estrela e luar nos canais de Amsterdã. E tem muito coisa legal rolando na cidade durante o evento.

Amsterdam Light Festival 2016 2017 Lightwaves

Lightwaves: a iluminação desta arte, feita com milhares de lâmpadas led, muda de acordo com o imprevisível vento holandês. (Foto: © Janus van den Eijnden)

Pra começar, são mais de 35 instalações iluminando Amsterdã este ano. A seleção dessas obras não é tarefa fácil. Segundo a organização do evento, mais de 1800 profissionais do mundo inteiro, entre artistas, designers e escritórios de arquitetura, enviaram seus projetos para este festival.

Amsterdam Light Festival 2016 2017 Rhizome House

Que objeto estranho é esse? É a raiz da batata, algo que não pode faltar no prato dos holandeses! (Foto: © Janus van den Eijnden)

Então prepare-se para ver a seguir o crème de la crème, que conta inclusive com um artista brasileiro entre os escolhidos, que eu vou mostrar mais adiante. ;)

Mas antes, uma explicação básica. O Amsterdam Light Festival se divide em duas rotas: a rota de barco, chamada de Water Colors e a Illuminade, a rota a pé. Elas são diferentes entre si, tanto na rota quanto nas obras a serem vistas. Eu conferi as duas e agora conto o que você vai encontrar nelas.

Water Colors, o tour de barco do Amsterdam Light Festival que vai te deixar de queixo caído

A rota mais famosa do Amsterdam Light Festival é a Water Colors. Essa rota de barco percorre as instalações do Festival ao longo dos canais da cidade. Acaba sendo um tour 2 em 1: você faz um passeio noturno pelos canais de Amsterdã e ainda contempla um verdadeiro show de luzes pelo caminho. O mais curioso é que, apesar de ser um evento noturno, o horário do passeio começa bem cedo.

É que no inverno holandês, a partir das 17h já está bem escuro. Daí é só descolar um barco e ser feliz!

Eu optei por um barco pequeno, que é aberto na parte de trás, mas que também tem cobertura e aquecimento na frente, para os mais friorentos. Como eu não tenho medo do frio, fui conferir atrás, a céu aberto. E já aviso de cara: é sensacional! Imagina você num barquinho, sem nada pra obstruir a sua visão, e uma obra dessas na sua frente:

Amsterdam Light Festival 2016 2017 ARCO

Imagina isso, mas com um barco menor e a céu aberto! Além de lindo, também foi um alívio descobrir que ninguém sai de lá molhado! (Foto: © Janus van den Eijnden)

A sensação foi indescritível e, sinceramente, só essa experiência já teria valido todo o passeio. Mas isso foi só o começo.

Amsterdam Light Festival 2016 2017 Blueprint

Blueprint, projeção a laser no Museu Marítimo de Amsterdã

Pouco mais adiante surgiu o Blueprint, que é uma projeção a laser no Museu Marítimo de Amsterdã. E o que a gente vê na projeção? O desenho técnico do próprio prédio, tal como ele foi concebido no século 17, durante a Era de Ouro holandesa.

O passeio dura 1h15 e é repleto de obras assim, completamente espetaculares. A Sandra, nossa capitã e guia, ia explicando o conceito das instalações, sempre com muito bom humor. E talvez por estarmos em um barco menor, tomando muito glühwein (o vinho quente daqui), isso acabou aproximando as pessoas. Foi muito gostoso mesmo, tanto o passeio como o glühwein!

Outra obra que chamou minha atenção foi o Welcome To My Home(town), com lindas casinhas instaladas aos longo do Herengracht. Será que olhando bem pra imagem você percebe que tem um truque aí?

Amsterdam Light Festival 2016 2017 Welcome-to-My-Hometown

A instalação mais truqueira do Amsterdam Light Festival!

É que as casinhas foram projetadas para criar o efeito 3D, mas na verdade são completamente achatadas! Nem dá pra acreditar, né? Mas olha só como fica, vendo de outro ângulo:

Amsterdam Light Festival 2016 2017 Welcome to My Hometown 2

É tudo ilusão ótica!

Já mais na reta final, no bairro Jordaan, foi a vez de sermos engolidos pelo The Lace, essa enorme renda instalada no Herengracht que pesa mais de 600kg.

Amsterdam Light Festival Lace

Não parece aquele chapéuzinho típico das holandesas?

Essa última instalação você também pode ver no vídeo que ao fiz ao vivo para a página do Holandesando no Facebook, a partir dos 5:30 minutos. Assistindo desde o início dá pra ver outras obras também. Aproveita e siga a página no Facebook! ;)

Dica Holandesando para o Amsterdam Light Festival Water Color

A grande dica que eu dou: reserve seu passeio de barco online. No dia em que eu fui havia uma fila gigantesca em todas as operadoras de barcos (que ficam quase em frente à Estação de trem Amsterdam Centraal) e quem não tinha comprado online se deu mal. Sério!

Amsterdam Light Festival - evite fila,comprando ingressos online

Essa é apenas uma **pequena** parte da fila no dia. Quem estava com ingresso comprado, com horário marcado, não teve com o que se preocupar.

>> Ingresso para o passeio de barco pequeno (passeio a céu aberto)
>> Ingresso para o passeio de barco barco grande (com cobertura)

As instalações da rota Water Color foram concebidas para quem faz o passeio a barco. Não que não seja possível vê-las a pé. Mas o impacto que você vai ter definitivamente não será o mesmo.

Mas existe uma alternativa: a rota Illuminade, que eu vou contar a seguir como é.

Illuminade Route, a interativa rota a pé do Amsterdam Light Festival 

Além do passeio de barco, há outra rota no Amsterdam Light Festival para explorar: é a Illuminade. As instalações dessa rota, salvo algumas exceções, não são as mesmas do Water Color. Mas as diferenças não acabam aí.

Enquanto as obras do Water Color são feitas para serem contempladas, as obras do Illuminade permitem maior interatividade e, em alguns casos, são mais provocativas também. E no quesito “provocação”, a obra que mais chamou minha atenção foi justamente a de um artista brasileiro.

Mens - Human, obra do brasileiro Edson Bruno Filho no Amsterdam Light Festival

Os brasileiros estão mesmo dominando Amsterdã. Primeiro foi o Eduardo Kobra, que pintou um mural em homenagem à Anne Frank. Agora foi a fez do carioca Edson Bruno Filho deixar a sua marca. Quem será o próximo? :) (Foto: © Janus van den Eijnden)

Com essa obra, Edson Bruno Filho mostra que nós, humanos, somos parte da natureza como qualquer outro ser. E que talvez nossa “superioridade” em relação às outras espécies seja pura ilusão.

Quem sabe esse emaranhado de fios nada mais é do que algo criado pela própria natureza (representada pela aranha na parede), aguardando só a hora certa de nos devorar? Será que nós somos mesmos os seres mais inteligentes da Terra?

Pra quem curte interatividade, eu recomendo a obra Enthalpy:

Amsterdam Light Festival Enthalpy, câmera infravermelha com imagens em onda de calor

A câmera infravermelha mostra ao vivo as imagens em onda de calor. Taí uma selfie bem diferentona (eu estou à direita, segurando a câmera)

Já a instalação Hourglass mostra em timelapse a transformação da paisagem no Wertheimpark durante o ano:

Amsterdam Light Festival: Hourglass

Olha como a projeção é um recorte perfeito do Wertheimpark! (Foto: © Janus van den Eijnden)

Dica Holandesando para o Amsterdam Light Festival Illuminade

A rota do Illuminade fica no bairro Plantage, área pouco explorada pelos turistas. Aproveite a oportunidade para conhecer! A maioria das instalações está concentrada no Hortus Botanicus e no Wertheimpark, então não é uma longa caminhada. Em cerca de 1 hora dá pra ver tudo.

O mapa com a rota você encontra no site do Amsterdam Light Festival e também no Google Maps. É só digitar “Amsterdam Light Festival” que a localização de todas as obras aparece. Infelizmente só funciona no aplicativo do celular, por isso não tem como eu deixar o link direto.

Há também a versão impressa do mapa, à venda por 3 euros no Centro de Informações Turísticas de Amsterdã, em frente à estação Amsterdam Centraal, e no próprio balcão de informações do Amsterdam Light Festival. Esse último fica no Blauwbrug, ponto de início oficial da rota Illuminade e que é superfácil de reconhecer:

Amsterdam Light Festival - centro de informações no Blauwbrug

Mesmo que você não precise de informação, vale a pena dar uma passadinha e ver a instalação mudando de cor! (Foto: © Janus van den Eijnden)

Outras atrações do Amsterdam Light Festival: Light My Ride, o desfile de bicicletas iluminadas

O Amsterdam Light Festival não se resume só às rotas Illuminade e Water Color. Uma série de eventos acontece durante o festival. Você pode conferir a agenda completa aqui.

O meu destaque vai para o Light My Ride, que é o desfile de bicicletas. Até porque não dá pra falar de Holanda sem falar de bike, vamos combinar!

No dia 6 de janeiro haverá um desfile de bikes decoradíssimas com muitas luzes. Elas partem do Stopera (próximo ao Metrô Waterlooplein) a partir das 19h em direção ao Oeste da cidade. No ponto de chegada vai ter música, food truck e muito mais. Dá só uma olhada no que rolou na edição de 2016:

https://vimeo.com/154635835

Você encontra mais informações aqui.

Serviço

Amsterdam Light Festival

  • Illuminade (rota a pé)
    Até 08/01/2017, diariamente das 17h às 22h
    Gratuito

    Site

  • Light My Ride (desfile de bicicletas)
    06/01/2017, a partir das 19h
    Local de partida: Stopera (Metrô Waterlooplein)
    Gratuito
    Site
Booking.com

11 Comments

  • comment-avatar
    Viajar pela história - Catarina Leonardo 09/01/2017 (01:57)

    Não sabia desta festival. Adoro a cidade de Amesterdão por isso estar lá nesta altura deve ser melhor ainda!

  • comment-avatar
    Para Onde Fomos 08/01/2017 (05:28)

    Que lindo! Você conseguiu nos transportar para viajar junto com você. Obrigada!

  • comment-avatar
    Patricia 08/01/2017 (03:16)

    Que coisa mais linda!! Amsterdã já é um charme, com todas essas luzes então…
    Amei as casinhas 3D (que na verdade não são).

  • comment-avatar
    Ana Coutinho 07/01/2017 (20:30)

    Gente, que coisa mais linda! Amei <3

  • comment-avatar
    Klécia 07/01/2017 (20:09)

    Que evento lindo! A lista das coisas a ver e fazer em Amsterdã só cresce! Tenho que ir logo por aí resolver isso hehe

  • comment-avatar
    Márcia Silveira Pessoa 07/01/2017 (01:53)

    Que lindo! Deve ser demais assistir!!! Vai pra minha lista !!

  • comment-avatar
    Zudi Dadalt 06/01/2017 (20:22)

    Que festival legal! Espero realmente poder fazer esse passeio algum dia.

  • comment-avatar
    Gabi Pizzato 06/01/2017 (18:12)

    A Holanda e Amsterdam sempre surpreendendo. Fui na primavera de 2015 e ‘virei a cidade do avesso’. Me cativou muito e é destino para voltar, nem que seja em um stopover. Bela dica. Obrigada por compartilhar mais esta! 😉

  • comment-avatar
    Fabio 06/01/2017 (17:37)

    Que lindoo! Adorei o post! Amsterdã já estava em meus planos, agora tá mais ainda rsrs #)

  • comment-avatar
    Luan Perez 06/01/2017 (16:12)

    Ótimas dicas, parabéns pelo artigo!

  • comment-avatar
    Mariana 06/01/2017 (13:45)

    Ótimas dicas!!!